Por favor, selecione no mapa sua localização para acessar diretamente a página da Pilz de seu país. Se o seu país não estiver no mapa, clique aqui: Site global

Fechar
Portugal | português

Ostfildern, 06/09/2016

O começo do novo ano letivo na Pilz Ostfildern – formação técnica sem limites

Na empresa de automação Pilz em Ostfildern iniciou-se o novo ano letivo no dia 5 de setembro. Seis aprendizes e seis estudantes da faculdade dual Baden-Württemberg (DHBW) iniciam suas carreiras profissionais. Além das vagas de formação técnica, a Pilz oferece os mais diversos estágios, que dão suporte como orientação para a escolha profissional. Ainda, a empresa tradicional enraizada na região se engaja como "padrinhos" de formação profissional e dá apoio como membro da "Associação dos amigos da faculdade Esslingen".

Estudo ou formação técnica? – com os especialistas em automação da Pilz, os estudantes recém-formados no ensino médio podem escolher. Profissões clássicas de formação técnica são aquelas que duram cerca de três anos e meio, para tornar-se um "técnico(a) em mecatrônica" ou "técnico(a) de eletrônica" "para aparelhos e sistemas". Além disso, a cooperação com a DHBW já existe há alguns anos – a Pilz oferece a dupla qualificação através da Faculdade Técnica nos cursos "Eletrônica com especialização em automação", "Informática com especialização em tecnologia da informação", Informática aplicada" e também "Engenharia industrial", com direcionamento para "Produção e logística". Stefanie Adams também faz a dupla qualificação: "A formação técnica na Pilz é muito bem organizada: Meu plano de formação é fixo para três anos, então eu sempre sei o que acontecerá quando. Além disso, eu acompanho vários cursos, como TI ou Lotus Notes – o que é diferente de muito dos meus colegas," ela resume o decorrer do seu estudo.

Para o exterior – aprender em todo o mundo faz parte disso
Adicionalmente, estágios no exterior para aprendizes e estudantes da DHBW são parte integrante da formação. É prevista pelo menos uma mobilidade para uma filial no exterior e oferece-se, assim, a chance para projeto através do plano de ensino diversificado. Os aprendizes vão para a França ou para a Suíça, os estudantes, por exemplo, para a Irlanda ou para a filial chinesa em Shanghai. Geralmente, os aprendizes são incorporados após a conclusão de sua formação. Perspectivas e chances de promoção na empresa são constantes. As possibilidades de aplicação nas áreas da produção, desenvolvimento, suporte ao consumidor ou também na tecnologia de produção são várias.

Entrar nos mais variados estágios
A Pilz também oferece estágios para estudantes do ensino médio: Primeiras informações no mundo da automação eletrônica podem ser obtidas através de "Férias sazonais", "BORS" e "BOGY" ou o "Girls Day". Não somente estudantes entram na Pilz, também é possível fazer um estágio para avaliar a própria qualificação para uma vaga na técnica eletrônica. Sobretudo quando o candidato concluiu sua formação técnica no exterior ou anseia um reingresso profissional.
Estágios na sede são uma possibilidade, mas a Pilz também é ativa no próprio local: Através de parcerias de formação técnica, a Pilz apoia escolas na região. Na escola Heinrich-Heine em Ostfildern, por exemplo, as aulas das disciplinas de física ou ciências e tecnologia, em que, por exemplo, a robótica é um assunto, são acompanhadas de conhecimento técnico e ferramentas de ensino. Através da cooperação, a Pilz oferece adicionalmente eventos informativos e treinamento para candidatos aos estudantes. "A Pilz quer oferecer aplicação prática e orientação na fase de escolha profissional", explica Klaus Schneider, diretor de formação da Pilz, o objetivo da participação.

Buscar o crescimento de forma objetiva
Além do engajamento em escolas na região, a empresa de automação também auxilia a faculdade Esslingen. Como membro da "Associação dos amigos da faculdade Esslingen", a Pilz oferece diversas possibilidades de entrada para estudantes e formandos: Isso inclui estágios, atividades como trabalhador-estudante ou trabalhos de conclusão de curso – uma admissão tardia também é sempre interessante para a Pilz.

Novos aprendizes e estudantes de curso dual em seu primeiro dia na Pilz.
Novos aprendizes e estudantes de curso dual em seu primeiro dia na Pilz: fileira de trás (da esq.): Denis Omerovic, Tim Liebrich, Gerrit Arndt Christ, Maximilian Hausch, Benjamin Disch, Philipp Wendel, fileira da frente (da esq.): Klaus Schneider (diretor de treinamento), Michael Rutz, Benjamin Schweizer, Tim Weiß, Jonas Hemmo, Patrick Brand, David Ballau (instrutor) ausente: Felix Preuschoff

Novos aprendizes e estudantes de curso dual em seu primeiro dia na Pilz: fileira de trás (da esq.): Denis Omerovic, Tim Liebrich, Gerrit Arndt Christ, Maximilian Hausch, Benjamin Disch, Philipp Wendel, fileira da frente (da esq.): Klaus Schneider (diretor de treinamento), Michael Rutz, Benjamin Schweizer, Tim Weiß, Jonas Hemmo, Patrick Brand, David Ballau (instrutor) ausente: Felix Preuschoff

Contact

Pilz Industrieelektronik S.L. R. Eng Duarte Pacheco, 120
4 Andar Sala 21
4470-174 Maia
Portugal

Telefone: +351 229407594
Email: pilz@pilz.pt

Centro de imprensa

Telefone: +49 711 3409-158
Email: presse@pilz.de